Contato

SOF - Áreas Temáticas

Saúde da Mulher Assinar Feed RSS

Os anticoncepcionais injetáveis mensais combinados são contraindicados na lactação?

O uso de anticoncepcionais injetáveis mensais combinados entre as nutrizes deve ser evitado por pelo menos até o sexto mês após o parto para prevenir os riscos sobre a composição, qualidade e quantidade do leite materno, bem como afetar adversamente a saúde do bebê(1,2).

Quais condutas devem tomadas pela equipe da ESF na APS diante de um caso de aborto retido?

A principal conduta recomendada diante de um caso de aborto retido é o encaminhamento da paciente ao hospital de referência obstétrica, para a realização de curetagem uterina(1,2).

Quais são as recomendações para tratamento de hipotireoidismo subclínico na gestação?

O hipotireoidismo subclínico na gestação é caracterizado por TSH acima do valor de referência para o trimestre da gestação Ehormônios periféricos (T4 ou T4 livre) normais. Recomenda-se tratar gestantes com hipotireoidismo subclínico com: – TSH acima de 10 mU/L; – TSH elevado para o trimestre da gestação e anti-TPO (anticorpo anti-tireoperoxidase) positivo.

Como deve ser feita a inibição da lactação?

Métodos não farmacológicos: – Evitar a sucção e outras formas de estímulo. – Aplicar compressas frias durante 10 minutos, 4 vezes ao dia. – Fazer enfaixamento compressivo, com ataduras elásticas por volta de 7 a 10 dias após o parto, com cuidado para não restringir os movimentos respiratórios ou causar desconforto materno. Essa medida isoladamente […]

Quanto tempo após a interrupção do uso de medroxiprogesterona pode ocorrer o retorno da menstruação e da fertilidade?

Após a interrupção do uso da medroxiprogesterona de depósito, a paciente pode ficar em amenorreia por até 1 ano (média de 7 meses). O retorno da fertilidade (ovulação) também pode ser lento, em média 9 meses após a última injeção. Após 10 meses, cerca de 50% das mulheres conseguirá gestar. Entretanto, em uma pequena parcela […]

Gestante contato de tuberculose pode realizar exame de PPD?

Sim, a gestante pode realizar o teste turbeculínico. A gravidez não altera a resposta ao teste tuberculínico, então, toda mulher gestante com suspeita de doença por micobactéria deve ser submetida também a esse teste auxiliar diagnostico, principalmente para os casos de testes terapêuticos ou tratamentos de prova da Tuberculose (TB).

Por que gestantes tem tendência maior para desenvolver anemia?

Na gestação, o volume plasmático é maior em relação ao volume eritrocitário, ocorrendo gradativamente queda do hematócrito, hemoglobina e viscosidade sanguínea, conduzindo a um estado de hemodiluição, caracterizando anemia fisiológica da gravidez. A anemia pode ocorrer por perda sanguínea, destruição excessiva dos eritrócitos ou deficiência de sua produção(1).

Quanto tempo uma mulher pode engravidar após o aborto?

A abordagem mais ampla deve enfocar o Planejamento Familiar pós abortamento. É importante que a mulher esteja ciente que pode estar apta a engravidar em torno de 15 dias após o abortamento. Recomenda-se a abstinência sexual enquanto existir sangramento e que se avalie profundamente o desejo de uma nova gestação e como se organiza a […]

Quais os riscos para uma gestante com 7 semanas com deslocamento subcoriônico e sem sangramento de perder o bebê ?

O deslocamento subcorionico diagnosticado em um exame de ultrassonografia pode caracterizar-se por sangramento genital de pequena intensidade. A evolução em geral é boa e não representa quadro de risco materno ou para o feto. A conduta é conservadora e, basicamente, consiste no esclarecimento à gestante.(1)

Quanto tempo após o parto a mulher pode realizar o exame de citologia oncótica?

Para as mulheres que se encontram no período pós-parto, recomenda-se a realização da citologia oncótica e outros procedimentos para acompanhar alterações no colo do útero 90 dias após o parto. Estudos revelam que no período da gestação algumas lesões de colo do útero tendem a permanecerem estáveis e até regredirem no período pós-parto.