Contato

SOF - Áreas Temáticas

Saúde do Idoso Assinar Feed RSS

Quais práticas corporais podem ser promovidas na atenção básica/ atenção primária à saúde visando a prevenção e promoção da saúde do idoso?

As práticas corporais mais relatadas nos documentos publicados pelo Ministério da Saúde que podem ser realizadas em grupos de idosos da atenção básica/atenção primária à saúde (AB/APS) são: caminhada, danças, e yoga1,3,4. As práticas corporais oriundas da medicina tradicional chinesa que visam trazer equilíbrio entre corpo e mente também têm sido bastante exploradas, dentre elas […]

Qual forma para abordar um idoso que recusa realizar a vacina da influenza?

Esta é uma discussão para a qual existem algumas considerações bastante interessantes. Sabemos que as vacinas são necessárias para controlar doenças graves e a não vacinação em massa pode provocar a morte e o sofrimento de milhões de pessoas. Uma pessoa que decide não se vacinar pode colocar em risco seus familiares e pessoas próximas […]

Como prevenir bolhas no calcanhar de pacientes idosos?

Bolha é a acumulação de fluidos entre as camadas interiores e exteriores da pele. Elas raramente são um problema sério, mas podem infeccionar se não forem tratadas apropriadamente. Causas – Fricção prolongada entre o pé e a meia, e/ou entre o pé e o calçado, resultam em bolhas. Prevenção: Lave os pés diariamente e seque […]

Quais principais causas de tontura em idosos?

“Tontura” é um termo inespecífico geralmente utilizado pelo pacientes para descrever uma variedade de sintomas. Os problemas mais comuns relatados como tontura incluem vertigem, desequilíbrio, tontura inespecífica e pré-síncope. O primeiro e mais importante passo na avaliação é determinar a qual deles se refere o paciente. As proporções de pacientes com várias causas de tontura […]

Há diferença entre o uso contínuo prolongado e o uso esporádico de Cinarizina em idosos, para o aparecimento de sintomas de Parkinsonismo?

Está bem estabelecido na literatura a associação entre o uso de Cinarizina e Parkinsonismo. O uso de Cinarizina, assim como de Flunarizina, é a segunda causa de parkinsonismo em uma série de países, incluindo Brasil (1,2). Tal associação tem maior importância sobretudo em pacientes idosos e que fazem uso prolongado de Cinarizina (3). Quanto maior […]

Que orientações o ACS Saúde deve repassar aos usuários com doença de Alzheimer e Parkinson e aos seus cuidadores nas visitas domiciliares?

A Doença de Alzheimer (DA) é progressiva, ou seja, seus sintomas pioram com o passar do tempo. Infelizmente, não existe cura para a doença até o momento, mas o tratamento pode retardar a progressão dos sintomas. Além disso, algumas dicas podem ser de grande auxílio para a família da pessoa com Alzheimer (2). O Agente […]

Como o Agente Comunitário de Saúde pode ajudar pacientes com doença de Alzheimer?

O Mal de Alzheimer (MA) é uma das causas mais comuns de demência. Demência é o declínio geral das habilidades mentais, como memória, linguagem e raciocínio que persiste por toda a vida e pode interferir com as atividades normais da pessoa e seus relacionamentos. O MA geralmente aparece após os 65 anos, mas pode surgir […]

Qual a melhor opção terapêutica para idosos com tremor essencial?

Pequenos ensaios clínicos randomizados observaram que o propranolol melhorou escores clínicos, amplitude do tremor e auto-avaliação da severidade dos sintomas quando comparado com placebo, sendo portanto uma boa alternativa na população idosa, desde que o paciente não apresente contra-indicações (1). O fenobarbital e a primidona podem melhorar o tremor a curto prazo, contudo, tais medicações […]

Existe cirurgia para cura de Mal de Alzheimer?

O Mal de Alzheimer (MA) é uma das causas mais comuns de demência. Demência é o declínio geral das habilidades mentais, como memória, linguagem e raciocínio que persiste por toda a vida e pode interferir com as atividades normais da pessoa e seus relacionamentos. O MA é uma doença sem cura. Existem algumas medicações que […]

Quais as evidências dos benefícios versus efeitos adversos para o uso de sinvastatina para dislipidemia em idosos?

O uso de estatinas no adulto com dislipidemia como prevenção secundária de eventos cardiovasculares (pacientes com infarto de miocárdio prévio ou em alto risco para evento cardíaco isquêmico, como aqueles com angina, procedimento cirúrgico coronariano prévio ou estenose arterial coronariana) está associado a redução de mortalidade total e de eventos cardiovasculares1. Para prevenção primária de […]