Contato

SOF - CIAP2

P50 Medicação / prescrição / pedido / renovação / injeção Assinar Feed RSS

Quais os efeitos adversos mais comuns decorrente do uso cloridrato de amitriptilina comparada com a nortriptilina?

Os efeitos adversos mais frequentes do cloridrato de amitriptilina comparado com a nortriptilina é o ganho de peso. O ganho de peso é um efeito adverso comum decorrente do uso do cloridrato de amitriptilina, o que não é descrito entre os efeitos adversos comum da nortriptilina segundo o “Micromedxsolutuions – Drug Comparison Results“1. Muitos pacientes interrompem o […]

Quais os riscos do uso prolongado dos benzodiazepínicos?

O uso prolongado dos benzodiazepínicos (BZD), ultrapassando períodos de 4 a 6 semanas1, pode levar dependência, tolerância2,3 e síndrome de abstinência1. No entanto, antes de se considerar a dependência e tolerância, pura e simples, recomenda-se verificar se o BDZ não está sendo utilizado como paliativo de uma situação emocional não resolvida1. Os efeitos adversos comuns […]

Que medicações podem ser utilizadas para desintoxicação de pacientes adultos em uso crônico de opióides?

As duas principais drogas utilizadas para o tratamento da dependência a opióides, em especial para a fase inicial de “desintoxicação”, são a Metadona e a Buprenorfina. Segundo revisão sistemática da biblioteca Cochrane, ambas são igualmente efetivas para tal fim. (grau A) A metadona, opióide sintético de meia-vida longa, deve ser administrada inicialmente em doses de […]

Qual o melhor fármaco para o tratamento da ansiedade do paciente usuário de crack abstinente?

Não foram encontrados estudos específicos para o tratamento da ansiedade de pacientes usuários de crack abstinentes. Revisões sistemáticas que abordaram o tratamento medicamentoso da dependência da cocaína, mostraram que antidepressivos, anticonvulsivantes, antipsicóticos e agonistas dopaminérgicos não foram eficazes (1-4). O tratamento medicamentoso, quando necessário, do paciente ex-usuário de crack com ansiedade deve seguir os mesmos […]

O uso concomitante de AAS reduz o tempo para início do efeito antidepressivo da Fluoxetina?

Um único estudo com humanos foi encontrado avaliando o efeito da associação do Ácido Acetilsalicílico (AAS) com Fluoxetina1. Apesar dos achados terem sidos promissores apontando um possível efeito benéfico de tal associação, a capacidade de inferências de tal pesquisa é muito pequena, dada a ausência de grupo controle e de “cegamento” e o pequeno número […]