Contato

SOF - Tipos de Profissional

Médico

Qual o tratamento para cefaleia crônica diária secundária a abuso de analgésico?

Uma das causas mais comuns de cefaleia crônica diária é o abuso de analgésico. Esta condição é diagnosticada quando o paciente apresenta cefaleia por pelo menos 15 dias ao mês e faz uso de analgésicos simples por pelo menos 15 dias ou múltiplos analgésicos por pelo menos 10 dias. Na prática, devemos suspeitar sempre que […]

Novas Recomendações: Qual é o tratamento alternativo para sífilis primária na impossibilidade do uso de penicilina?

O tratamento para sífilis primária ou sífilis adquirida recente (menos de um ano de evolução), em pacientes não gestantes, pode ser feito com Doxiciclina 100 mg, via oral, de 12/12 horas por 15 dias ou Ceftriaxona 1 g, intramuscular ou intravenoso, 1 vez ao dia, por 8 a 10 dias.

Como tratar a depressão pós-parto?

O tratamento da depressão pós-parto é geralmente estabelecido conforme a gravidade do quadro depressivo apresentado. Esse tratamento é baseado nos mesmos princípios que norteiam a terapêutica da depressão não relacionada com o pós-parto. Assim, pode ser utilizada psicoterapia e/ou farmacoterapia e, em casos mais graves (como risco agudo de suicídio e/ou sintomas psicóticos associados), a […]

Cetoconazol oral é indicado para o tratamento de micoses cutâneas?

O cetoconazol oral não é mais indicado como primeira linha de tratamento para infecções fúngicas. O perfil de risco-benefício do cetoconazol é desfavorável e existem outras opções mais seguras para o tratamento sistêmico das micoses cutâneas. Portanto, candidíase e dermatofitoses não são mais indicações para uso de cetoconazol oral. Além disso, o cetoconazol somente deve […]

Devemos orientar a redução do consumo de alimentos ricos em vitamina K para pacientes anticoagulados em uso de varfarina?

A varfarina produz seu efeito anticoagulante inibindo o ciclo de conversão da vitamina K e, dessa forma, impedindo a ação biológica dos fatores da coagulação vitamina K-dependentes. O consumo de alimentos contendo vitamina K, portanto, interfere no efeito anticoagulante da varfarina. Entretanto, é inadequado orientar os pacientes a diminuir o consumo de alimentos ricos em […]

A suplementação de vitamina K nas gestantes em tratamento para epilepsia deve ser universal?

Não há evidências suficientes para a prescrição de vitamina K durante a gestação em todas as mulheres em tratamento medicamentoso para epilepsia, pois a suplementação de vitamina K na gestante não altera o risco de sangramento no feto.

Deve-se suspender o uso de metformina em pacientes diabéticas que engravidam?

O uso da metformina é seguro na gestação, inclusive no primeiro trimestre e pode ser mantido em pacientes diabéticas que engravidam.

Quando os pacientes com hipercalemia devem ser encaminhados para emergência?

É recomendado encaminhar para emergência qualquer paciente com: – potássio sérico acima de 6,5 mEq/L; – hipercalemia e alterações eletrocardiográficas; – sintomas sugestivos de hipercalemia, como fraqueza muscular, paralisia flácida, palpitações ou parestesias; pacientes com risco de alterações abruptas nos níveis de potássio.

Quando devemos investigar gravidez antes da reaplicação de medroxiprogesterona trimestral injetável?

Embora os fabricantes da medroxiprogesterona trimestral injetável recomendem como prazo máximo para reaplicação o intervalo de três meses (13 semanas), as evidências disponíveis apontam para segurança anticoncepcional com uso em intervalos de até três meses e 14 dias (15 semanas) sem a necessidade de investigar gravidez.

Deve-se realizar antibioticoterapia profilática em mordeduras por animais?

O uso de antibiótico para profilaxia de infecção em mordeduras por cães ou gatos é controverso e não deve ser realizado de rotina.