A levotiroxina pode ser prescrita a paciente que faz uso de amiodarona?

A levotiroxina pode ser administrada em associação com amiodarona, pois não há relato de interação entre estas medicações 1.

Embora a amiodarona seja um fármaco muito eficaz para o tratamento de arritmias cardíacas, a sua utilização crônica está associada a efeitos colaterais significativos. Entre estes, disfunção da tireoide é uma manifestação comum, mesmo quando uma dose baixa diária de amiodarona é utilizada2.  Um estudo detectou disfunção da tiroide em 59 (48,7%) dos 121 pacientes em uso de amiodarona para distúrbios do ritmo cardíaco durante um período médio de 30 meses2. Entre as manifestações mais graves encontram-se o hipertireoidismo (1% a 3%), o hipotireoidismo (2% a 10%), o tumor maligno da glândula tiroide e a tireotoxicose1. O monitoramento da função da tireoide de pessoas em uso de amiodarona deve ser feito antes de iniciar a terapia e depois disso em intervalos periódicos (aproximadamente a cada 3-6 meses), particularmente em pacientes geriátricos e / ou em doentes com história de nódulos da tireoide, bócio, ou outra disfunção da tireoide1,2,3. Se ocorrer hipotireoidismo, deve-se reduzir a dose de amiodarona e / ou cuidadosamente complementar com hormônios da tiroide, se necessário. A descontinuação da amiodarona pode ser necessária3. Se ocorrer hipertireoidismo, terapia agressiva (incluindo redução da dose ou a descontinuação da amiodarona) é indicada, uma vez que as manifestações clínicas (ou seja, arritmias cardíacas) podem ser potencialmente graves e fatais. O uso de medicamentos antitireoideanos, bloqueadores adrenérgicos e / ou terapia corticosteroide pode ser necessário3.   Atributos da APS   A pessoa com doença crônica deve ter o acesso facilitado às consultas para diminuir o risco de complicações associadas ao efeito adverso de medicamentos.