É indicado utilizar SF 0,9% morno e AGE em curativos de úlceras de decúbito?

AGE são triglicerideos de cadeia média são capazes de alterar funções leucocitárias modificando reações inflamatórias e imunológicas, acelerando o processo de granulação por manter o ambiente úmido. São utilizados no tratamento de feridas abertas com ou sem infecção e profilaxia de úlceras de decúbito, por formar uma película protetora sobre a pele. O procedimento está, portanto, adequado.
Quanto a neomicina e fibrase foram encontrados somente três ensaios clínicos com curta duração. Não existem provas suficientes para recomendar o uso destes agentes tópicos em tratamento de feridas crônicas infectadas ou contaminadas.

 

 

 

Bibliografia Selecionada

  1. Duncan BB, Schmidt MI, Giugliani ERJ. Medicina ambulatorial: condutas de atenção primária baseadas em evidências, 3a ed. Porto Alegre: Artmed; 2004.
  2. Ward RS, Saffle JR. Topical agents in burn and wound care. Phys Ther. 1995 Jun;75(6):526-38. Disponível em: http://www.physther.net/content/75/6/526.full.pdf