Quais são as causas de hiperinsulinemia?

Hiperinsulinemia (resistência aumentada à insulina) significa excesso do hormônio insulina circulante no corpo humano. A hiperinsulinemia pode ser provocada pela obesidade, sobrepeso, sedentarismo e consumo elevado de carboidratos refinados (farinha branca), que provocam aumento da glicose no sangue e consequentemente uma produção aumentada de insulina pelas células pancreáticas.
Doença hepática gordurosa não alcoólica (Fígado impregnado de gordura), síndrome dos ovários policísticos (doença que enche de cistos os ovários da mulher e pode causar infertilidade, diabetes e crescimento de pelos), hiperuricemia (aumento do ácido úrico), doença renal crônica, insuficiência cardíaca (coração grande), alterações cognitivas e câncer, estão algumas vezes associados à resistência à insulina.
O insulinoma, que é um tumor pancreático que secreta insulina, também provoca aumento da insulina e diminuição dos valores de glicose no sangue. Este é um tumor raro, que atinge todas as idades. Consiste em causa curável de hipoglicemia (açúcar baixo no sangue) e é potencialmente letal. Cerca de 10% dos tumores são múltiplos e cerca de 10% são malignos. A característica clínica fundamental do insulinoma é a hipoglicemia de jejum (queda do açúcar quando se está em jejum).

 

SOF Relacionadas:
  1. Quais são as causas do diabetes? Que tipos de tratamentos existem? E como prevenir?